Foi aprovado a MP 681 que muda a margem consignável de 30%(trinta porcento) para 35% (trinta e cinco

MP 681 Aprova 35% de Margem Consignável

Foi aprovado a MP 681 que muda a margem consignável de 30%(trinta porcento) para 35% (trinta e cinco porcento), mas muitas dúvidas a respeito destas mudanças ainda estão dando o que falar e para isso decidimos esclarecer algumas questões.

Com a MP 681 o que muda?

A margem consignável para empréstimo consignado continua sendo 30% (trinta porcento) , mas antes quem tinha cartão de crédito consignado optava por ter 20% (vinte porcento) de sua margem destinada a empréstimo consignado e 10% (dez porcento) destinado para cartões de crédito consignado, agora quem optar pelo ter o cartão de crédito consignado vai comprometer 5% (cinco porcento) de sua margem e ficará livre os 30%(trinta porcento).

Pra quem não quer o cartão de crédito nada muda, vai continuar podendo comprometendo os mesmos 30% (trinta porcento) de sua renda com empréstimos, conforme MP 681.

E os 10% já Averbados?

Quem estiver na regra antiga permanece na regra antiga, estuda-se a proposta de uma readequação na margem daqueles que já possuem os 10% (dez porcento) para 5% (cinco porcento), mas no momento ainda não tem nada definido a este respeito, em síntese continua com 20% (vinte porcento) para empréstimos e 10% (dez porcento) para cartões.

Como Vai Funcionar?

Para cada benefício é permitido apenas 1 (um) cartão de crédito e fica definido como limite 5%(cinco porcento) de margem exclusivos para seu limite de cartões, ainda não foi definido se será permitido saques com esse cartão, por enquanto ainda não pode sacar. Portanto é um cartão de crédito exclusivo para compras conforme MP 681.

O valor do limite do cartão pode chegar a 2 x (duas vezes) o valor da sua renda ou até 20 x (vinte vezes) a sua margem consignável dos 5% (cinco porcento).

0800 601 0220
Matriz
Avenida Presidente Ernesto Geisel, 4260 - Centro - Campo Grande/MS